Todo profissional que tem a sua renda vinda de atividades freelancers sabe que não é nada fácil precificar o seu trabalho. Isso não é diferente para quem vive de serviços de fotografia, em que a técnica, os anos de estudo e o altíssimo investimento são menosprezados por grande parte do público.

Com a popularização das câmeras, a evolução dos softwares de tratamento e edição de imagem e uma enxurrada de vídeos na internet que prometem apresentar as melhores maneiras de fotografar todo tipo de assunto, muitos acreditam que o profissional apenas aperta o botão — você certamente já ouviu essa fala em algum lugar.

Porém, existem algumas maneiras de agregar valor ao trabalho de fotografia e sair na frente dos seus concorrentes. Quer saber quais são? Então, continue a leitura.

Busque especialização

Ser freelancer não exclui a necessidade de especialização, pelo contrário, ela é um dos mais importantes e respeitados diferenciais de um negócio. Se o seu desejo é trabalhar com fotografia de moda, por exemplo, que tal estudar um pouco sobre as tendências de mercado? Aproveite para conhecer também como os grandes nomes do ramo — tanto fotógrafos quanto modelos — apresentam seus trabalhos e a sua história. Inspirações são sempre bem-vindas.

E se grana for um problema, a internet oferece várias fontes de informações confiáveis para você se direcionar e encontrar o caminho que quer seguir. Existem muitos podcasts que falam sobre fotografia — de todos os estilos, inclusive — que certamente te ajudarão a entender melhor sobre o vasto mundo da captura de imagens.

Desenvolva estratégias

É fundamental que você pense bem como se posicionará no mercado e isso não envolve só a definição do campo da fotografia que cobrirá. Deixar claro que trabalha com um nicho, com certeza, é importantíssimo, mas é preciso, também, criar uma marca e definir uma visão muito transparente de onde deseja chegar.

Faça um plano de negócios que englobe a sua área de atuação, o investimento inicial — incluindo eventuais seguros e meios de transporte — e em quanto tempo você terá um retorno que cubra todos os gastos iniciais. Com essa estratégia pronta, defina quais serviços de fotografia fará e um preço mínimo para que sustente essa empreitada. Pode ter certeza que esse número mudará diversas vezes até que consiga realmente estabelecer um padrão aceitável, não se preocupe com isso.

Tenha um excelente portfólio

Ter um bom portfólio é fundamental para todos que trabalham com o mercado criativo, mas isso não basta para os profissionais dos serviços de fotografia. É preciso inovar, utilizando de referências e técnicas para garantir que suas melhores produções sejam exibidas da forma que mais as valorize, e isso também inclui a escolha do canal ideal.

Reúna as fotos que você já fez de uma maneira criativa, valorizando o seu estilo e os cliques que fogem aos clichês encontrados por aí — nada de imagens de asa de avião, gatinhos e pores do sol. Ainda que não tenha realmente cobrado por um ensaio, é sempre legal mostrar seu domínio nesse ramo e que está preparado para lidar com convites de trabalhos.

Invista em Marketing

A frase que diz que “a propaganda é a alma do negócio” não passa de uma lenda, mas deixar a publicidade de lado certamente não é uma boa escolha. O primeiro passo para ser capaz de definir e seguir uma estratégia de marketing adequada aos serviços de fotografia é conhecer bem o seu público. Comece respondendo às perguntas que trazemos logo abaixo.

Quem é o seu público?

Lembra que falamos sobre planejar a sua área de atuação profissional? Então, é por aí que você deve começar a conhecer para quem venderá seus serviços de fotografia. Se a sua vontade é de trabalhar com fotografias de imóveis, por exemplo, é legal entender mais sobre a linguagem utilizada em anúncios imobiliários e entender os jargões dos corretores. 

Onde esse público está?

Uma vez que você já saiba com quem falará, foque na escolha do canal. Existem centenas de redes sociais por aí que agrupam os mais variados tipos de pessoas, desde entusiastas do aeromodelismo até chefes de cozinha. Então, procure conhecer onde esse público está presente e faça com que a sua marca esteja lá.

Como você falará com eles?

Falamos rapidamente sobre como é importante entender a linguagem do público, mas você deve ir além disso. Foque na comunicação como um todo, desde a escolha das imagens em seus anúncios até o horário e a frequência deles. É importante lembrar que as redes sociais permitem a configuração das suas publicações para atingir especificamente o tipo de pessoa desejada, incluindo preferências, atividades mais praticidades e dezenas de outras opções.

Fidelize seus clientes

Neste ponto você já é um profissional especializado, que tem uma estratégia definida, um portfólio bem estruturado e com anúncios divulgando o seu trabalho, só falta se preparar para atender os clientes com excelência. Aqui é muito importante entender as necessidades e trabalhar diretamente em cima das expectativas dele, garantindo o retorno em oportunidades futuras.

Fazer isso não é uma tarefa simples e requer muito preparo, tanto da parte técnica quanto da empatia e flexibilidade para lidar com pessoas. Tenha em mente os limites da sua função como profissional de serviços da fotografia, mas não deixe de abrir algumas exceções, como um tratamento especial ou alguns minutos a mais em um ensaio, para clientes que podem abrir portas de oportunidades futuras. Lembre-se: você e a sua equipe são responsáveis por como a sua marca será percebida.

Valorizar os serviços de fotografia não é nada fácil, mas, observando essas dicas, é certo de que você conseguirá entender melhor o funcionamento do mercado e como conquistar o seu potencial profissional por meio de uma remuneração justa. Não deixe, é claro, de ser criativo em todas as etapas do seu trabalho, observando de perto os grandes nomes desse cenário. Isso, além de gerar boas referências para suas fotos, ainda é capaz de fazer com que seu público divulgue o seu trabalho pela confiança nele.

Se você precisar de referências valores cobrados pelos serviços de fotografia, não deixe de baixar o nosso e-book com os 17 fotógrafos que revelam sua lista de preços!