6 dicas de marketing digital para fotógrafos iniciantes

A internet, hoje em dia, é o local onde as coisas acontecem, onde as pessoas se informam e interagem. Quantas vezes, antes de tomar a decisão para comprar algo, ou adquirir algum serviço, você não pesquisou as opções online? Estar offline é sinônimo de perder chances! Por isso, utilizar estratégias de marketing digital para fotógrafos é tão importante.

O marketing é capaz de alavancar sua carreira, atrair clientes e estabelecer negócios. Para isso acontecer, o seu trabalho e sua marca precisam ser vistos e reconhecidos.

Para quem está começando, inúmeras perguntas vêm à mente, mas não se preocupe: não é difícil aprender o necessário para se dar bem no marketing e fazer o seu produto se valorizar. Dê uma olhada nestas dicas!

1. Defina o seu público-alvo

Sabe aquela história de que “quem tudo quer, nada tem”? Pois é, lembrar disso é essencial na hora de fazer marketing. Você precisa definir o seu nicho e encontrar seu público-alvo, senão vai perder tempo, já que agradar a todos é impossível.

Quais são suas habilidades e em que campo da fotografia você quer atuar? Determine isso e descubra quais clientes estão atrás do que você oferece, onde encontrá-los e como fazer com que lhe ouçam. É preciso estudar o mercado e pesquisar onde você precisa estar e com quem precisa falar.

Uma excelente estratégia é criar uma persona, que consiste em um cliente fictício ideal, que tem desejos e necessidades que podem ser atendidos com os seus serviços. Assim, criar uma persona ajuda a definir que tipo de conteúdo você deve oferecer.

2. Tenha um site

As redes sociais podem ser poderosas ferramentas para atrair público e interagir com clientes, mas um site é mais confiável, duradouro (não vai sair de moda, como acontece com as redes) e passa uma imagem bem mais profissional.

No seu site, você deve escolher suas melhores fotos para exibir como portfólio e pode falar objetivamente de você e do seu estilo de trabalho, além de criar um canal oficial por onde os clientes podem entrar em contato e pedir orçamentos.

O seu objetivo aqui é mostrar o que torna o seu trabalho especial e agregar valor à sua marca. O site deve ter uma navegação boa, ser responsivo e bem organizado.

Você pode até montar o seu em plataformas gratuitas, mas lembre-se que vale a pena investir em um domínio próprio e até em plataformas adaptadas para profissionais, como a oferecida pela Alboom, por exemplo. Crie também uma identidade visual com a sua marca para poder ser reconhecido em todos os canais digitais.

3. Faça Inbound Marketing

Também chamado de Marketing de Atração, o Inbound é umas das mais valiosas estratégias de marketing digital para fotógrafos. Com ele, você não está vendendo suas fotografias, mas sim oferecendo soluções para que seus clientes cheguem até você naturalmente.

No Inbound, o conteúdo oferecido deve ser gratuito, relevante para o seu público-alvo e estar constantemente atualizado. Essa característica se chama Marketing de Conteúdo e uma de suas das principais ferramentas é a criação de posts para blog.

Se você é um fotógrafo de casamento, pode falar, por exemplo, de tendências de decoração no seu blog. Assim, você é encontrado organicamente pelas noivas e pode continuar a oferecer conteúdo que leve esses potenciais clientes até o seu site para pedir um orçamento.

Utilizar Inbound Marketing envolve encantar o cliente durante toda uma jornada, do momento em que ele digita algo num mecanismo de busca até quando decide comprar o produto/serviço que você oferece.

4. Utilize técnicas de SEO

Otimização dos mecanismos de busca: esse é o significado de SEO (em inglês, search engine optimization). Essas técnicas ajudam o seu conteúdo a ranquear melhor nos mecanismos de busca, como o Google. Pensar em SEO é essencial quando se planeja uma estratégia de marketing digital para fotógrafos.

Os mecanismos de busca funcionam por meio de robôs que são capazes de indexar informações coletadas em páginas da web e exibi-las quando alguém procura por algo. Esses robôs procuram palavras-chave e fazem com que textos de qualidades apareçam primeiro nos resultados de busca.

Algumas das principais características do SEO são:

  • uso de palavra-chave de forma consciente: o ideal é que ela apareça no título, em um intertítulo, na introdução e na conclusão;
  • links para outras páginas próprias ou de parceiros: aparecer linkado em outros sites conta muito, por isso vale a pena investir em parcerias e ter um bom relacionamento com outros fotógrafos;
  • otimizar seu texto para facilitar a leitura: usar subtítulos, imagens, vídeos e listas e manter os parágrafos curtos.

5. Esteja presente nas redes sociais

Marketing digital para fotógrafos também envolve criar uma relação maior com os clientes, por isso estar presente em ao menos uma rede é essencial, já que a maioria das pessoas passa bastante tempo nelas.

Geralmente, ter apenas um perfil é pouco, mas nem todos os clientes vão estar em todos os lugares. Fazer uma pesquisa de mercado é importante para que você não desperdice tempo e energia fazendo posts onde ninguém vai ler.

Então, onde está o seu público? Conhecendo algumas características das principais redes fica mais fácil decidir:

  • Facebook: é a maior em número de usuários. É interessante para compartilhar conteúdo do seu blog, postar vídeos de making-of e mostrar outras coisas inspiradoras e divertidas.
  • Instagram: a rede dá valor às imagens, por isso é ideal para publicar amostras do seu trabalho, usar hashtags relevantes para ser encontrado, ou mostrar seu dia-a-dia de fotógrafo nos stories.
  • Pinterest: a maior parcela do público é composta por mulheres. Noivas e mães estão sempre buscando inspiração por lá.
  • Snapchat: sofreu uma queda severa em número de usuários, mas ainda tem bastante força entre adolescentes e o público mais jovem e serve para histórias curtas e descoladas.

Lembre-se: a rede social é um canal de comunicação com o público. Por isso, fique sempre de olho, responda às mensagens e mantenha uma frequência regular de postagens.

Ferramentas como o Many Chat, por exemplo, são úteis para enviar conteúdo e responder dúvidas via Messenger no Facebook. Assim, caso alguém entre em contato, você mostra que está disponível.

6. Use E-mail Marketing

Lembre-se que E-mail Marketing não é spam! Você apenas vai entregar conteúdo interessante e personalizado para quem realmente o deseja. No e-mail, mande novidades sobre seu trabalho, ofereça serviços e promoções ou compartilhe textos e notícias relevantes.

Coloque um formulário em seu site ou blog para criar um banco de dados dos seus clientes. Ao enviar e-mails regularmente, você pode manter uma relação contínua com seus clientes e fazer com que se lembrem de você sempre que procurarem por um fotógrafo.

Deu para perceber como o marketing digital para fotógrafos é um campo rico e promissor, não é mesmo? Com essas dicas fica mais fácil dar o pontapé inicial para transformar sua carreira de fotógrafo num verdadeiro negócio.

Você pode começar a testar estratégias de marketing digital e descobrir as melhores opções para você desde já. Não se esqueça de coletar e analisar os dados, porque isso vai ajudar muito a otimizar suas estratégias cada vez mais daqui para a frente.

Gostou das dicas? Então compartilhe este post nas suas redes sociais para ajudar outros amigos e colegas que também estão começando a se aventurar no mundo da fotografia profissional!

Assine: iTunes | Android | RSS

Compartilhe isso:

Envie o seu comentário

Comentários (3)

  • Priscila

    02 setembro 2018 às 21:06

    Qual o nome do aplicativo para enviar Email Marketing?

    Responder

  • marcos

    13 junho 2018 às 10:05

    e mto bom

    Responder

    • Equipe Fotologia

      17 julho 2018 às 10:56

      ♥️

Últimos Podcasts