Qual é o seu estilo fotográfico? #005 Vlog

Qual é o seu estilo fotográfico?

Por: Rebecca Martins

Uma das coisas que mais se ouve falar em meio aos fotógrafos é sobre estilo fotográfico. Isso é tão recorrente que se torna o motivo de maior preocupação para muitos. Mas será que é preciso tanto desgaste nisso?

estilo fotográfico

Nessa jornada em busca da resposta para: “O que fazer para encontrar meu estilo fotográfico? ”, muitos acabam se martirizando e, até mesmo, tentando fazer o que não faz da sua própria identidade – aquilo que não curte.

O que cabe o que não cabe na jornada para o estilo fotográfico

Sempre quando se fala em encontrar um estilo, as pessoas logo remetem a arte conceitual que gira em torno de museus, exposições, shows e grandes espetáculos – e as pessoas que não têm acesso à essa via da arte estão à margem, por fora. Apenas uma pequena parcela de brasileiros tem opção e acessibilidade à essas modalidades de arte; além do mais, para isso, é preciso ter grana, tempo e disponibilidade, não é em todo o Brasil que temos um teatro ativo disponível.

Então, quer dizer que a fotografia está restrita à ser inspirada apenas nessas modalidades de arte?! Claro que não! Existe cinema, séries e outros fotógrafos que você pode se inspirar.

Tudo o que se vê é uma forma de inspiração e/ou referência. O trabalho de outros fotógrafos pode ser um pontapé inicial para o desenvolvimento de um trabalho mais consistente. O fotógrafo Eduardo Vanassi fala sobre o princípio da conectividade, o mesmo defende que a mistura de ideias de vários fotógrafos ao serem conectadas geram algo interessante. E não há problema nisso, apenas significa que você está trabalhando para pagar suas contas.

O problema de não encontrar um estilo

O que considera-se ser um grande desastre para um fotógrafo significa simplesmente nada! Não tem problema em não encontrar um estilo. Veja o que você gosta de fazer e faça! Arrisque e tente se inspirar no que der.

Um norte de como encontrar seu estilo

Um bom meio para começar é ir descobrindo o que não gosta, analise o material de outros fotógrafos e monte uma sessão de “não gostei”. Você notará uma linha de raciocínio que mantém uma coerência, assim fica bem mais fácil de descobrir o que gosta (já que eliminou o que não gosta). Isso é um método funcional!

Mas não se esqueça: arte está em todo lugar, basta você notar. Não se limite a um estilo restrito ao convencional.

 

_______________________

Assista nosso vídeo no Yotube sobre o tema:

 

Se você curtiu essa discussão e quer aprender mais sobre fotografia, nos acompanhe nas redes sociais e acesse ao fotologia.net, o melhor podcast para fotógrafos com conteúdo inteiramente gratuito para você!

fb.com/fotologiacast
Twitter.com/fotologiacast
fotologia.net

 

Assine: iTunes | Android | RSS

Compartilhe isso:

Envie o seu comentário

Últimos Podcasts