QUANTO COBRAR MINHA FOTOGRAFIA? - GUIA DEFINITIVO (parte 1/2)

“Trabalho com fotografia mas não sei qual o meu valor. Afinal, quanto devo cobrar pela minha fotografia?!” Se você tem essa dúvida, segue com a gente!

Quanto vale a minha foto?

Essa é uma dúvida que sempre escutamos por onde vamos; seja em palestras, cursos ou entre os alunos do Vitamina V.

Precificar é algo complicado. É difícil determinar um preço, montar pacotes e etc. Mas a conversa que vamos ter é sobre valor. Preço é diferente de valor. Preço é o que você coloca no seu produto. Mas o valor é o que as outras pessoas e o mercado dizem que o seu produto vale.

Algumas vezes, alguém pode pagar pelo seu produto e achar que o valor foi muito maior, já outra pessoa pode pagar o mesmo e achar que foi explorada por não ver valor no serviço ou produto.

Como precificar calculando os custos

Uma forma muito básica de aferir valores ou precificar é olhar o custo da sua empresa e colocar uma porcentagem de lucro baseado nisso. Por exemplo, para um ensaio (dentro do custo semanal ou mensal, como você preferir) teria o custo R$ 300,00, então se determina uma margem como, por exemplo, 50% de lucro; então o ensaio seria R$ 450,00. Ou seja, custou R$ 300,00  e você vendeu por R$ 450,00. A vantagem dessa forma de calcular é que você não teria como sair no prejuízo. Por isso, estamos te dando de presente uma planilha de custos! Você já pode baixar e começar a usar clicando aqui mesmo 😀

Essa planilha foi feita de fotógrafo para fotógrafo, ela vai ter tudo o que você precisa. Saber os custos do seu negócio pode mudar totalmente a sua perspectiva de quanto cobrar.

Como eu faço meu produto ter valor?

Após colocar o preço, é necessário que se coloque valor no seu produto para que ele tenha uma melhor percepção no mercado. Para isso, é preciso você criar uma imagem e mostrar perante as pessoas e o mercado, para que eles te visualizem como um profissional e, consequentemente, te valorizem! Você pode fazer postagens em rede social, mostrar o trabalho em portfólios digitais, responder os orçamentos de maneira rápida, fazer boas ofertas e etc! Afinal, você vai fazer várias ações que vão melhorar a sua percepção de valor junto ao teu cliente, assim, ele vai aceitar que o teu trabalho vale aquilo que é cobrado.

Olhe para a concorrência

Outra maneira para construir os valores é observar a concorrência. Então, olhe para outros fotógrafos que estejam no mesmo público que você e que já estejam estabelecidos no mercado. Esses caras são sustentáveis, não busque aqueles que estão chegando agora e “cobrando qualquer coisa”; esses, provavelmente, vão quebrar em pouco tempo. Observe o fotógrafo estabelecido e veja quanto ele está cobrando e, a partir disso, você pode montar os seus preços sabendo que as pessoas pode comparar vocês e vir a aceitar o valor que você está cobrando.

Veja o que a concorrência faz de bom ou de ruim

Outro fator muito importante nessa observação é que você pode ver o que a concorrência faz de bom e de ruim. O que eles tiverem de bom, copie! Se o cara tem um atendimento bom, uma entrega legal ou faz sempre postagens bacanas marcando os clientes; copie isso! Se você fizer isso, as pessoas vão perceber o seu valor semelhante ao do seu concorrente. Se você identifica o que o cara faz de errado, como marcar reunião sempre em lugar sem estacionamento, daí você propõe que pode fazer a reunião na casa do cliente ou em algum lugar acessível; esse será um valor maior agregado a você! Então, mesmo que você cobre o mesmo preço do concorrente, o cliente encontrará mais valor em você.

A sua fotografia vale exatamente o quanto você se dedica em criar valor e demonstrar esse valor! Cuidado para nunca ter prejuízo e lembre-se de consultar os concorrentes para precificar melhor.

E não esquece de baixar a planilha, ok?! Só clicar aqui!

_______________________

Se você curtiu essa discussão e quer aprender mais sobre fotografia, nos acompanhe nas redes sociais e acesse ao fotologia.net, o melhor podcast para fotógrafos com conteúdo inteiramente gratuito para você!

fb.com/fotologiacast
Twitter.com/fotologiacast
fotologia.net

//www.fotologia.net" frameborder="0" allow="autoplay; encrypted-media" allowfullscreen>

Assine: iTunes | Android | RSS

Compartilhe isso:

Envie o seu comentário

Últimos Podcasts